quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Peculiaridades que nos farão lembrar das Eleições 2014.


Ana Maria Prestes *

Alguns fatos e características nos farão lembrar pra sempre destas eleições. Seguem pontuadas algumas que considero interessantes.


Primeira vez em que avaliamos a tendência do eleitorado pelo sobe e desce da bolsa de valores;

Primeiras eleições do "selfie";

Eleições em que, durante as campanhas, se travou uma verdadeira guerra virtual em território imune à lei eleitoral: o whatsapp;

As eleições das redes sociais;

Pernambucanos vão às ruas em apoio à reeleição de Dilma



Terminou agora a grande caminhada pelas ruas do centro do Recife que finalizou as atividades com a presidente e candidata a reeleição Dilma Rousseff (PT) em Pernambuco.



Em Petrolina, Dilma reúne milhares de pessoas.


Depois de ter reunido cerca de 30 mil pessoas em Petrolina e em Goiana, a presidente chegou ao Parque 13 de Maio por volta das 19h, e encontrou o Centro do Recife tomado pelos militantes. Estava acompanhada do ex-presidente Lula e dos senadores Humberto Costa (PT) e Armando Monteiro Neto (PTB), e a deputada federal Luciana Santos (PCdoB), em um mini trio elétrico.

Dilma visita fábrica em Pernambuco que vai gerar 8 mil empregos



As instalações da nova unidade industrial da Fiat Chrysler Automóveis em Pernambuco recebem, nesta terça-feira (21), a visita da presidenta Dilma Rousseff. O grupo está investindo R$10 bilhões e a fábrica comporá o Polo Automotivo de Goiana, na Região Metropolitana do recife, que, ao atingir a capacidade de produção de 250 mil veículos/ano, gerará oito mil empregos diretos.
 

Por seu poder irradiador sobre a economia, o polo automotivo projetará seus efeitos em toda a Zona da Mata Norte em Pernambuco. 
A fábrica, que está sendo instalada em terreno com 11 milhões de m² no município de Goiana, fica a 62 km do Recife e a 52 km de João Pessoa, na região conhecida como Mata Norte de Pernambuco.

As obras, iniciadas em setembro de 2012, estão com 85% de execução e tem previsão de início da produção para o primeiro trimestre de 2015. A planta industrial será a mais moderna fábrica do Grupo Fiat Chrysler e um dos mais avançados centros de produção do mundo.

Barão de Itararé promove debate sobre a censura de Aécio Neves



Na quarta-feira (22), a censura de Aécio Neves e a ameaça que a candidatura tucana representa à liberdade de expressão serão temas de debate na capital paulista. A atividade acontece no Sindicato dos Jornalistas de São Paulo (Rua Rego Freitas, 530 - República), a partir das 19h, com entrada franca.

 

A discussão dos conhecidos casos de censura por parte de Aécio Neves enquanto governador de Minas Gerais e o risco que significa sua possível eleição à presidência em relação à liberdade de imprensa e à liberdade de expressão no país serão discutidas pelos seguintes convidados:

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Vox Populli confirma Dilma com 52% dos votos válidos


A pesquisa do Instituto Vox Populi, encomendada pela TV Record, divulgada nesta segunda-feira (20) indica que a presidenta Dilma Rousseff permanece à frente do candidato tucano Aécio Neves na corrida à Presidência da República. Os números são semelhantes aos que foram divulgados pelo Datafolha também na noite desta segunda (20)

Considerando apenas os votos válidos, ou seja, descontando-se brancos, nulos e eleitores indecisos, Dilma aparece com quatro pontos percentuais a mais: 52%, enquanto o tucano soma 48%. É com esses números que o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) chega ao vencedor da eleição. 



Dilma em campanha.





















Leia também:

Ministério autoriza pagamento do Garantia-Safra a agricultores



Agricultores dos estados da Bahia, do Ceará, de Minas Gerais, da Paraíba, de Pernambuco e do Piauí, prejudicados pela seca este ano e em 2013, começarão a receber o benefício Garantia-Safra a partir deste mês, conforme calendário de pagamento de benefícios socais da Caixa Econômica Federal.

Plano safra

Portaria do Ministério do Desenvolvimento Agrário, publicada nesta segunda-feira (20) no Diário Oficial da União, autoriza o pagamento do Garantia-Safra aos agricultores de municípios dos seis estados que aderiram ao programa.

Criado em 2002, o Garantia-Safra visa a garantir condições mínimas de sobrevivência aos agricultores familiares de municípios sujeitos à perda de safra em razão da estiagem ou excesso chuvas. Os municípios estão situados na área de atuação da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene). O programa também beneficia o Espírito Santo.

Fonte: Agência Brasil
Reprodução
Plano safra

Governo cria comissão contra criminalização de movimentos sociais


O Conselho das Cidades, ligado ao Ministério das Cidades, criou a Comissão Especial contra a Criminalização dos Movimentos Sociais. O objetivo da comissão, segundo portaria publicada nesta segunda-feira (20) no Diário Oficial da União, é “impedir a criminalização de movimentos e organizações sociais” diante de iniciativas como o Projeto de Lei do Senado (PLS) 499/2013, que define o crime de terrorismo.

Manifestação na USP (Marcos Bezerra)

Umas das atribuições da comissão será justamente representar o Conselho das Cidades nos debates sobre o PLS 499/2013 e outras propostas correlatas. O colegiado também terá a função de “provocar interlocução junto ao Congresso Nacional, com o objetivo de sensibilizar o parlamento no sentido de garantir a não aprovação de dispositivos legais que violem direitos e liberdades constitucionais”.

Inácio apresenta propostas de incentivo a produção no Nordeste


O senador Inácio Arruda (PCdoB-CE) apresentou emendas à Medida Provisória em tramitação no Congresso, que possibilitam incentivos a setores importantes da produção no Nordeste, como forma de enfrentar a seca.  


A exportação de peles de ovinos e caprinos tem enfrentado problemas decorrentes do chamado custo Brasil, explica o senador.A exportação de peles de ovinos e caprinos tem enfrentado problemas decorrentes do chamado custo Brasil, explica o senador.
O senador quer garantir ao setor de laticínio utilizar o ressarcimento dos créditos presumidos de forma simples para capitalizar-se. “A estiagem que assola a região Nordeste tem consequências nefastas sobre vários setores da economia, em especial o setor de laticínios”, justifica o parlamentar.

"A mobilização deve ser o diálogo e o contato com o povo", diz Renato



Na reta final das eleições no Brasil, o presidente nacional do PCdoB, em entrevista à Rádio Vermelho nesta segunda-feira (20) faz uma importante reflexão da acirrada campanha presidencial no país. Renato Rabelo reafirmou que são dois projetos diferentes em disputa e passou uma mensagem de mobilização e esperança para a militância comunista. 

 "A mobilização deve ser o diálogo e o contato com o povo", diz Renato
Sobre o que chamou de momento decisivo, Renato ressalta que a batalha está sendo desigual e por isso, a mobilização é importante para informar à população o que representa a candidatura de Aécio Neves (PSDB). “É importante salientar que as forças conservadoras comprometidas com a campanha de Aécio (grandes grupos da mídia, oposição conservadora e os grandes ciclos financeiros) procuraram fazer uma grande investida com uma ânsia de derrotar as forças populares e democráticas para que não alcancem um quarto mandato no Brasil”.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Lula: Quando os tucanos governaram o Nordeste era tratado a pão e água



Em entrevista a Rádio Jornal, no programa de Geraldo Freire, de Recife (Pernambuco), nesta segunda-feira (20), o ex-presidente Lula enfatizou que os tucanos nunca olharam para o Norte e Nordeste do Brasil.


Ricardo Stuckert/Instituto Lula
"Queremos apenas que o Nordeste recupere tudo que perdeu no século XX”, enfatizou Lula"Queremos apenas que o Nordeste recupere tudo que perdeu no século XX”, enfatizou Lula
“Houve um tempo em que essa gente governou o Brasil e o Nordeste era tratado a pão e água. Tudo era pensado para a região mais desenvolvida do país e pouquíssimo para as regiões menos desenvolvidas”, pontuou Lula.

O ex-presidente lembrou que durante seu governo, quando reunia esforços para levar a Fiat e outras empresas para a região, “Aécio chegou a propor medida provisória” no Congresso para impedir a ida da empresa. “Esse tipo de gente que nunca contribuiu para o desenvolvimento do Norte e Nordeste sempre achou que essas regiões deveriam aparecer na imprensa como campeãs da seca, campeãs do analfabetismo, do desemprego. Nós resolvemos mudar isso”, afirmou.

Adalberto Monteiro: Mobilização do povo definirá o “26”



As pesquisas, análises, estatísticas e o eco das ruas teimam em indicar que o resultado do próximo dia 26 está indefinido. Para desempatar esse jogo, o fator que poderá decidi-lo é mais militância, mais mobilização do povo, mais empenho das forças políticas e sociais da frente ampla. 

Por Adalberto Monteiro*


BemParaná
Dilma no Paraná - Curitiba 17/10/2014Dilma no Paraná - Curitiba 17/10/2014
A mobilização dos apoiadores de Dilma se eleva de importância, sobretudo depois da antidemocrática intervenção de ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no programa eleitoral na TV e no rádio. Sob o pretexto de elevar o nível do debate, juízes da corte passaram, na prática, a censurar a liberdade de expressão dos partidos e das candidaturas. Essa conduta de bloquear o debate vem, deliberadamente, ao socorro de Aécio Neves.

Breno Altman: Tucanos flertam com golpismo



O ex-governador Alberto Goldman, coordenador da campanha de Aécio Neves em São Paulo, leva seu ódio antipetista ao paroxismo. Leiam com atenção o título de seu artigo mais recente, no site do PSDB: “O Brasil rejeitou o PT. Dilma não teria condições de governar o Brasil.” Do que está falando esse cavalheiro que um dia já foi de esquerda?

Por Breno Altman*, em seu blog


  
Que o resultado eleitoral não deve ser acolhido? Que os tucanos irão desconhecer a vontade das urnas, a partir da noite do dia 26, agindo como a pior parte da oposição venezuelana e tentando virar a mesa?

Goldman parece ter finalmente concluído sua adesão ao lacerdismo e seu bordões.

Você cresceu junto com o Brasil e continuaremos assim para crescer ainda mais”, afirma Dilma

Blog do Renato

image
Nas considerações finais do debate entre os candidatos à presidência da República da TV Record, a presidenta Dilma Rousseff afirmou que continuará trabalhando para o Brasil crescer e para que a vida dos brasileiros melhore ainda mais.

TSE decidiu e Aécio vai ter que tirar propagandas caluniosas do ar



Aécio Neves diz que o PT está fazendo uma campanha de baixo nível, ao mesmo tempo em que desrespeita a presidenta ao chamá-la de “mentirosa” e “leviana” em todos os debates entre os dois presidenciáveis. Ao que parece, Aécio quer jogar para o PT todas as ações caluniosas que sua própria campanha vem promovendo.Por decisão de Tribunal Superior Eleitoral, a campanha tucana terá que suspender quatro inserções sobre a Petrobras que vinha divulgando contra Dilma na TV e no rádio. 

É possível também que Igor Rousseff ganhe direito de resposta por tido sua honra ofendida na campanha de Aécio Neves

O Ministro Tarcisio Vieira de Carvalho Neto determinou a retirada imediata das propagandas do ar baseado na Representação 165865, pela não deterioração do nível das peças publicitárias preparadas para as eleições. Na decisão, o ministro reitera que “ataques deste tipo (de Aécio) prestam desserviço ao debate eleitoral fértil e autêntico e, em maior escala, à própria democracia”.

domingo, 19 de outubro de 2014

QUEM CONHECE OS NÚMEROS DO ECONOMISTA DE AÉCIO E COMPARA AOS NÚMEROS DO ECONOMISTA DE DILMA, VOTA EM DILMA



Por Dedé Rodrigues

  Armínio Fraga e Guido Mantega.
Recentemente houve um debate entre os economistas Armínio Fraga escolhido por Aécio para ministro da economia, caso ganhe as eleições, contra Guido Mantega, o Ministro de Dilma. Eu aproveitei para resumir os números apresentados no debate para  facilitar mais a compreensão do leitor\eleitor. Os números da economia de 2002 contra os números da economia de 2014 mostram as diferenças entre os dois projetos em disputas. Eles  mostram que o projeto de Dilma é a favor de um Brasil para todos os brasileiros, com menos inflação, mais investimentos, mais crescimento econômico e mais distribuição de renda. Enquanto o projeto ou a intenção do economista  de Aécio é ser a favor de um Brasil com mais juros, que resultará em menos investimentos, menos distribuição de renda e menos crescimento econômico. Ele, sem dúvidas, governará para os especuladores, para os bancos, para o mercado e para a burguesia neoliberal entreguista. Segundo o autor da matéria Haroldo Lima “A economia é o terreno mais sólido para se caracterizar as posições e estabelecer as diferenças”. Vamos aos números:

Por qual cartilha Marina reza? Os simpatizantes da Rede precisam saber



Marina ajoelhou e... rezou para Aécio e para o seu deus-mercado. É bom que os militantes perplexos da Rede e os eleitores espantados de Marina saibam que desde sempre ela foi uma invenção desses caras. E que a decisão, mais uma vez, foi ditada pelos patrões.

Por Reginaldo Moraes*, publicado no Brasil Debate

Marcos Fernandes
Marina e o tucano Aécio Neves em encontro que selou a troca de alianças do segundo turno

 

Marina e o tucano Aécio Neves em encontro que selou a troca de alianças do segundo turno

Não, não é o Velho Testamento, não se trata de nenhuma loteria bíblica. As decisões de Marina decorrem de motivações bem mais terrenas e materiais.

Depois de criticar a polarização entre os “iguais” e dizer que representava uma alternativa “a tudo o que está aí”, a líder da nova política declara apoio à velhíssima política dos Neves.

Homofobia, a urgência da criminalização



Em um discurso eloquente e frustrado, o candidato à presidência Levy Fidelix (PRTB) distribuiu insultos, esbravejou e revelou uma faceta ainda desconhecida pela grande maioria da sociedade brasileira, que o enxergava de maneira caricata e engraçada. Uma agressividade demasiada e posicionamentos preconceituosos. 

Por Breno Rosostolato * 

Retrocedemos aos momentos obscuros e sanguinários de nossa história. Por isso a urgência em se criminalizar a homofobia. 
Dia 28 de setembro de 2014, as declarações do candidato foram além de propostas políticas. Demonstrou o verso do político, o outro lado de um homem truculento, que fez de palavras violentas, sua munição, descarregada nos homossexuais.


 
Questionado pela também candidata Luciana Genro sobre direitos homoafetivos, Levy vomita opiniões enfadonhas e absurdas. Compara os homossexuais à pedofilia, diz que “dois iguais não fazem filho'' e que “aparelho excretor não reproduz''.
Retrocedemosaos momentos obscuros e sanguinários de nossa história.  Por isso a urgência em se criminalizar a homofobia.

Umberto Martins: A dimensão internacional das eleições de outubro



O debate eleitoral é dominado por temas relacionados à economia política doméstica e com uma agenda ditada pela direita e fortemente influenciada por um falso moralismo. Mas existe uma dimensão pouco comentada e visível do pleito presidencial que tem grande relevância para os destinos do Brasil, da América Latina e do mundo, embora não seja um tema presente nos debates promovidos pela grande mídia ou mesmo nas propagandas eleitorais.

Por Umberto Martins*, especial para o Vermelho

"Um eventual retrocesso tucano pode atrasar não só o processo de libertação latino-americana e caribenha das garras do império, como também comprometer o futuro do Brics"
Trata-se da dimensão internacional das eleições de outubro, que além do Brasil envolvem dois outros países latino-americanos: a Bolívia - onde a batalha foi resolvida no último domingo (12), com a folgada reeleição de Evo Morales no primeiro turno - e
Xinhua
"Um eventual retrocesso tucano pode atrasar não só o processo de libertação latino-americana e caribenha das garras do império, como também comprometer o futuro do Brics"
o Uruguai, onde a julgar pelas pesquisas o candidato da Frente Ampla, Tabaré Vázquez, deve vencer o primeiro turno no dia 26, mas terá de enfrentar uma segunda rodada (em 30 de novembro) contra Luiz Lacalle Pou, candidato da direita neoliberal.

sábado, 18 de outubro de 2014

O Brasil inteiro se mobiliza pela reeleição de Dilma


Um final de semana de mobilizações de Norte a Sul do Brasil marca a reta final do segundo turno das eleições presidenciais. A partir deste sábado (18), os bandeiraços, adesivaços, panfletagem e carreatas se somam às ações de corpo a corpo nas ruas e residências e reuniões pela definição do voto à presidenta Dilma Rousseff, candidata à reeleição, no próximo dia 26.

Mobilizações pró-Dilma acontecem de Norte a Sul do Brasil neste final de semana

As carreatas percorrem as ruas das capitais e várias cidades brasileiras e os adesivaços, bandeiraços e as panfletagens estão espalhadas em vários pontos de grande circulação, feiras e praças de todo Brasil.

Mensalão Pernambucano: superfaturamento em refinaria chegou a 190%


Desbaratada pela PF, a quadrilha ligada a coordenadores da campanha do tucano Aécio Neves em Pernambuco também montou um esquema criminoso de superfaturamento nas obras da refinaria Abreu e Lima, em Ipojuca. Entre os envolvidos estão o tesoureiro tucano Geraldo Cisneiros e o ex-deputado federal pelo PSDB Bruno Rodrigues, agora no PSB.

Capobianco: ex-braço direito de Marina Silva na mira da PF por conta de superfaturamento em Pernambuco

O bando, segundo a PF, também desviou dinheiro dos setores de educação, saúde, combustíveis, recursos humanos e empreendimentos no Porto de Suape. Há, também indícios de fraudes financeiras na Fundação Previdenciária do Estado (Fundepe).

Promotoria denuncia Aécio Neves por desviar R$1 bi da Saúde



O Ministério Público de Minas Gerais acaba de entrar com mais uma ação pública contra Aécio Neves (PSDB) sobre o desvio de verbas para a Saúde. Desta vez, o montante questionado chega a R$ 1bilhão em 2009. O valor pode ser somado aos R$ 4,3 bilhões já questionados em processos anteriores.


Marcos Fernandes
O Ministério Público de Minas Gerais acaba de entrar com mais uma ação pública contra Aécio Neves (PSDB) sobre o desvio de verbas para a SaúdeO Ministério Público de Minas Gerais acaba de entrar com mais uma ação pública contra Aécio Neves (PSDB) sobre o desvio de verbas para a Saúde
Foi apurado pelo Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCE-MG) que, também em 2009, o percentual constitucional de 12% do Orçamento para a Saúde, não foi obedecido. A irregularidade é observada desde que a Emenda Constitucional 29, que garante a obrigatoriedade do repasse, entrou em vigor em 2004.

Dos mais de R$ 3,3 bilhões destinados para a Saúde, em 2009, R$1,017 bilhão foi repassado para a Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa). Apenas R$2,35 bilhões foram aplicados, de fato, na saúde pública do estado.

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

TABIRENSE QUE VOTA CONTRA DILMA VOTA CONTRA SI MESMO E CONTRA O BRASIL




Por Dedé Rodrigues

 O tabirense que vota contra Dilma vota contra si mesmo e ainda vota contra o Brasil, pois quem vota no outro candidato, está votando no representante de uma política chamada neoliberal e num projeto que vai beneficiar os capitalistas e ricos especuladores, o capital rentista, que vive de juros no mundo das finanças e, tem o aumento dos Juros, como único remédio para conter a inflação. Eu nem preciso citar aqui os benefícios que Tabira e o Brasil têm recebido dos dois governos de Lula e nos quatro anos de Dilma, para chamar de ingrato ou inconsciente o cidadão que vota contra estas mudanças. Nesta matéria você vai conhecer alguns argumentos que justificam o VOTO EM DILMA 13. 

A história de mais de 78 mil trabalhadores de Minas Gerais



Esses trabalhadores estão num limbo. Acreditaram na palavra do Estado, que deveria ser de honestidade e boa fé e, hoje, estão na rua, sem direito sequer a aposentadoria! Este é um relato da eficiência do choque de gestão!

Por Beatriz Cerqueira*, no Muda Mais

Beatriz Cerqueira
A prática de um político é um importante critério para as pessoas avaliarem o seu discurso. A situação trágica em que se encontram mais de 78 mil trabalhadores em educação da rede estadual de Minas Gerais é um exemplo de prática que merece uma reflexão profunda de todos os brasileiros.

Dilma: Aécio deixará mercado aberto pra concorrência destrutiva


A presidenta Dilma Rousseff, candidata à reeleição, afirmou nesta sexta-feira (17), em Florianópolis (Santa Catarina), onde cumpriu agenda de campanha na região Sul do país, que seu adversário, o tucano Aécio Neves (PSDB), deixará o mercado aberto para a concorrência destrutiva.

Dilma em Florianópolis, Santa Catarina, cumprindo agenda na região Sul nesta sexta (17).

“Meu adversário acha que tem que deixar o mercado aberto para toda e qualquer forma de concorrência destrutiva. O meu governo acha importante fazer política de conteúdo local, dando preferência para indústrias brasileiras nas compras governamentais”, pontuou a presidenta.

Livro discute atualidade do marxismo perante a crise capitalista



Com a crise econômica iniciada em 2008, especialistas voltaram a discutir o modelo capitalista, falando em fracasso deste sistema. Também, a partir daí, o marxismo tornou-se, mais uma vez, ferramenta crítica para análise e compreensão da conjuntura internacional, uma vez que esta filosofia tem a capacidade de se renovar na história. É assim que João Antonio de Paula, autor de “Crítica e emancipação humana: ensaios marxistas”, registra a atualidade e a importância deste pensamento crítico. 


Reprodução
“Crítica e emancipação humana: ensaios marxistas” de João Antonio de Paula.“Crítica e emancipação humana: ensaios marxistas” de João Antonio de Paula.
Os ensaios reunidos no livro – que contém textos já publicados em periódicos científicos e alguns artigos inéditos – estão organizados em quatro partes. A primeira é uma introdução geral, que reafirma a centralidade da crítica no projeto marxista; na segunda parte estão textos que buscam mostrar a especificidade do método da crítica da economia política desenvolvida por Karl Marx (1818-1883); a terceira contém ensaios sobre o que podemos chamar de crítica da economia política, conforme construída pelo pensador alemão; a última parte, por sua vez, discute a obra de marxistas como Rosa Luxemburgo, Anton Pannekok, Karl Korsch, Ernst Bloch e Hanri Lefebve.